Consolidar ou renegociar os meus créditos – o que fazer?

Consolidar ou renegociar os seus créditos são duas formas de melhorar a sua vida financeira.
Estas decisões podem ajudar a reduzir as suas despesas e darem folga ao seu orçamento familiar.

No seu Mapa de Responsabilidades de Crédito poderá ver num só documento todos os seus créditos e verificar quais são os que tem maior impacto na sua vida.
Trata-se de um documento fácil de obter, basta seguir os passos no nosso artigo detalhado sobre este assunto.

Aconselhamos sempre a que tente amortizar os seus créditos quando tiver orçamento disponível. No entanto, existem muitas situações em que as famílias chegam ao final do mês sem dinheiro. Posto isto, esta opção deixa de ser viável, tendo primeiro que ganhar uma folga financeira antes de começar a fazer amortizações.

A forma mais rápida de ter essa folga é analisando as nossas despesas. Contratos de energia, electricidade e seguros são despesas mensais ou periódicas que devem ser renegociadas ou então transferidas para um outro fornecedor de serviço mais económico.

Outra despesa, mas não menos importante, está incluída nas prestações do seus créditos. A taxa de juro é um valor que é cobrado juntamente com a sua prestação e também pode ser reduzido de forma a aumentar o rendimento no final do mês.

Como posso reduzir a taxa de juro?

Existem duas formas para reduzir a taxa de juro, consolidar os vários créditos num só ou então tentar renegociar os créditos atuais.

Consolidar os seus créditos baseia-se um novo empréstimo em seu nome. Se tiver vários créditos para pagar, há nova instituição financeira que lhe vai emprestar dinheiro para liquidar todos créditos de uma vez, e irá conceder-lhe um novo crédito no valor total da sua dívida ou com um valor adicional.

Renegociar a dívida trata-se de fazer um novo acordo com o banco onde tem um crédito. Irá reunir com um colaborador do banco que irá ajudá-lo a baixar as prestações mensais para um valor que lhe seja mais confortável, seja através da redução da taxa de juro e/ou aumento do prazo de pagamento do crédito.

Em que condições devo tentar renegociar?

Para renegociar os seus créditos deve falar diretamente com as instituições que lhe concederam os créditos. Deve ir preparado com argumentos a seu favor para que os bancos lhe ofereceram uma prestação mais baixa. É um processo demorado e que depende de si.

Existem alguns factores na sua vida que podem tornar esta decisão mais vantajosa mas cada caso é um caso:

  • Idade avançada;
  • Não tem rendimentos declarados em Portugal;
  • Estar em incumprimento;
  • Se o total dos créditos for inferior a cinco mil euros.

Quando é melhor consolidar os créditos?

Na maioria das situações o melhor é a consolidação dos créditos pois é mais rápido e fácil. Existem diversas situações que o tornam vantajoso face à renegociação:

  • Tem vários créditos e paga várias prestações que somam uma quantia elevada;
  • Quer evitar entrar em incumprimento;
  • Pretende amortizar a dívida;
  • Precisa de um crédito adicional devido a uma situação específica.

Vantagens do crédito consolidado

  • Ter as suas dívidas num só crédito e pagar apenas uma prestação.
  • Crédito com uma taxa de juro mais baixa.
  • Poupança mensal até 60%

Poupança imediata

Simule no nosso simulador e veja quanto pode começar a poupar todos os meses.

Tenha uma vida financeira mais saudável e sem dívidas. Utilize o valor que vai poupar mensalmente para fazer amortizações antecipadas e assim pagar ainda menos juros associados ao seu crédito.


Simulador de Crédito

Formato XXXX-XXX. Apenas Números e o separador -.
(se possuir habitação própria e/ou arrendada)
(escolha SIM apenas se estiver documentado no Banco de Portugal)