Trabalhadores independentes – como conseguir crédito

Os trabalhadores independentes continuam a ser os que sentem mais dificuldades no acesso ao crédito.
Segundo a DECO, tendo em conta que não têm um vínculo laboral estável, a banca na análise de risco efetuada acaba por penalizá-los.
A penalização pode ser realizada através da atribuição de taxas mais elevadas ou então exigindo garantias adicionais, como fiadores, poupanças, bens imobiliários.

Cuidados Redobrados

Os trabalhadores independente devem certificar-se que os rendimentos que têm são previsíveis e que podem cumprir o contrato bancário que vão assinar.
Por exemplo, as prestações com a habitação não devem exceder 35% do rendimento líquido mensal.

Como avaliar os Rendimentos dos Trabalhadores Independentes

Para avaliar o rendimentos dos trabalhadores independentes, não se deve ter em conta apenas os últimos rendimentos.
Estes devem fazer a média dos rendimentos dos últimos 12 ou 24 meses.

Mais-valias na obtenção de crédito

Na altura de pedir um crédito, os trabalhadores independentes, terão vantagem na aprovação se apresentarem as seguintes mais-valias.

  • Ter capitais próprios para avançar com uma entrada inicial elevada (no caso de crédito habitação);
  • Capacidade de apresentar garantias bancárias;
  • Apresentar fiadores.

a nossa solução para os Trabalhadores Independentes

Se é um dos trabalhadores independentes que está com dificuldades no acesso ao crédito fale connosco.
Na Findigno conseguimos ir ao encontro das suas necessidades pois temos os melhores parceiros e tratamos de todo o processo gratuitamente.
Basta fazer a simulação que respondemos em 48h.

 

Simulador de Crédito

Formato XXXX-XXX. Apenas Números e o separador -.
(se possuir habitação própria e/ou arrendada)
(escolha SIM apenas se estiver documentado no Banco de Portugal)